Os jovens se cansarão e se fatigarão, e os moços certamente cairão; Mas os que esperam no SENHOR renovarão as forças, subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; caminharão, e não se fatigarão. (Isaías 40:30-31)

Rumo à vitória!

Difícil decisão

Quando a gastroplastia passou a ser uma opção? Não sei bem quando foi, mas a primeira vez que pensei realmente nesta possibilidade, foi em março de 2010, mas não queria, juro que não queria, pois tenho medo de cirurgia devido aos meus muitos problemas de saúde!
Em setembro de 2009, descobri um cisto dermóide no ovário esquerdo, e tinha que operar... ai ai ai...pensem como sofri, odeio cirurgias, a única que fiz antes foi a cesárea para o nascimento do meu segundo filho, o Gabriel, e não foi nada bem...também fiz um procedimento de curetagem, mas esse foi tranquilo. Quando isso aconteceu, eu já tinha indicação para a cirurgia, já pesava 108 kgs, mas não pensei em fazer, e continuei tentando emagrecer sozinha.
Então, tinha que tirar o cisto, fui ao cirurgião e tal, marcamos a cirurgia para março de 2010. O médico foi indicado pela minha ginecologista, que é ótima... é verdade que eu já sabia que Dr. Arnaldo fazia tb a cirurgia de obesidade, mas não perguntei nada, apesar de ter curiosidade sobre o assunto!! rsrsrs
Quando já estava no centro cirúrgico, ele me perguntou se eu não pretendia fazer a "redução de estômago", eu disse que tinha indicação (já tinha há mais de 1 ano), mas ainda não queria fazer...mas ia pensar no assunto. Ele disse-me pra pensar, pois eu precisava. Pronto, a cirurgia foi uma vídeolaparoscopia, tive uma crise de asma no meio do procedimento, não foi nada grave, a cirurgia foi um sucesso, a asma foi devido ao gás que é utilizado nesse procedimento, mas isso também me deixou com muito mais medo.
A partir daí, comecei a pensar nessa possibilidade...mas ainda não queria...corri para os VIGILANTES DO PESO, tentei marcar minha endocrinologista e não conseguia, pois ela estava grávida, e sua gravidez era de risco, mas tudo só acontece quando Deus quer, ok? O V.P não deu certo, até perdi peso, perdi uns 6 kgs, mas depois abandonei. E Deus quis que eu conseguisse um encaixe nos últimos minutos do segundo tempo...rsrs, Drª Ana Carolina (minha endocrinologista) já estava grávida de 8 meses!!! Fui nela, e constatamos que engordei muito no último ano, cheguei a 116kg, meu IMC é 46,8, e ela me indicou a cirurgia. Vendo que já tentei tudo, decidi recorrer a esta alternativa. Corri e fiz todos os exames que ela mandou, e em menos de 15 dias ficou tudo pronto...e acreditem, quando fui levar os resultados, era o último dia que ela estava atendendo, pois já ia entrar de licença para ter seu bebezinho...hahaha
Fui no Dr. Arnaldo , pesquisei, falei com pessoas que fizeram com ele, e fui adiantando os exames enquanto ainda me decidia totalmente pela cirurgia, e aqui estou eu, gastroplastizada!
Minha cirurgia foi aberta, o método FOBI-CAPELLA, inicialmente foi marcada para o dia 11/08/ 2011, mas faltando 2 dias, teve que ser adiada, e foi remarcada para o dia 12/09/2011. Quer saber se eu tive medo? Siiiim, muito medo, mas estava muito decidida!
Pra chegar até aqui, sempre consultei o meu querido Deus, e com a sua graça e permissão, dia 12 eu renasci! A Ele seja dada toda honra, toda glória e todo o louvor! Amém!
ATENÇÃO!!! A GASTROPLASTIA SEMPRE DEVERÁ SER A ÚLTIMA OPÇÃO, ASSIM COMO FOI NO MEU CASO, POIS QUEM ME ACOMPANHA SABE, EU JÁ TENTEI DE TUDO!

"O impossível existe até que alguém duvide dele e prove o contrário " (Albert Einstein)